Após críticas por abstenção, Marília Arraes se desculpa


Notícias
7 de abril de 2021 às 13h15min - Por Américo Rodrigo

Foto: Ricardo Labastier

Conhecida por tomar decisões unilaterais, a deputada federal Marília Arraes (PT) se absteve na votação que aprovou nesta terça (05), o texto-base do projeto que libera a compra de vacinas pela iniciativa privada. A petista recebeu uma enxurrada de críticas e após repercussão negativa, se desculpou através de uma nota Confira:

“Na noite de ontem, ao analisar o PL 948/21 (aprovado por 317 x 120 votos) – que trata sobre a possibilidade de aquisição de vacinas contra a Covid-19 com a garantia de doação do mesmo quantitativo adquirido pela iniciativa privada/entidades para o SUS – eu cometi um erro de avaliação.

A responsabilidade que carrego é muito grande. E é por isso que fiz questão de vir a público deixar claro que em nenhum momento fui contrária à valorização, autonomia e fortalecimento do SUS, um sistema que eu sempre defendi e sempre defenderei. Naquele momento, mesmo com as dificuldades do distanciamento e o pouco tempo de discussão, eu deveria ter votado e me posicionado conforme todo nosso campo fez, em vez de problematizar e deixar de votar. Após a votação, recebi várias manifestações e refleti sobre todas elas.

Dessa forma venho aqui reconhecer meu erro e me desculpar com a nossa militância, com o PT, com o Brasil. Sigo firme na defesa da ciência, do SUS, da vacinação universal, do auxílio emergencial de R$ 600,00 até o final da Pandemia e de toda e qualquer medida que proteja e ampare nossa população e nosso Brasil.”