Cenário Político: no centro do debate


Colunas
12 de junho de 2021 às 00h00min - Por Américo Rodrigo

Foto: Hélia Scheppa

Coluna do sábado

Muito se especula sobre em qual posição o governador Paulo Câmara (PSB) vai atuar na eleição do próximo ano. Há algumas semanas seu nome vem sendo lembrado para disputar uma vaga na Câmara dos Deputados ou no Senado Federal. Até para ser vice do ex-presidente Lula, que deve novamente disputar o Planalto em 2022, o socialista já foi cotado.

A única certeza até o momento é que o gestor será um dos protagonistas do processo eleitoral no estado. Não só pelo fato de ser o condutor da sua sucessão, mas também por ocupar a vice-presidência nacional do PSB, onde a posição de Pernambuco sempre teve muito peso nas decisões. Para contemplar alguns aliados e atrair outros, o governador tem mexido em algumas peças do seu time, a exemplo da chegada do PSL.

Ser mais uma vez testado nas urnas é também uma forma de avaliar os anos de trabalho de Paulo Câmara à frente do Palácio do Campo das Princesas, mas para que isso aconteça, ele precisa renunciar até o dia 2 de abril de 22, de acordo com a legislação eleitoral. Apesar de algumas dúvidas, o PSB não costuma vacilar na estratégia e já iniciou alguns movimentos na busca de continuar Influenciando na política estadual.

Renúncia – Caso o governador Paulo Câmara (PSB) renuncie para cumprir outra missão no próximo ano, Luciana Santos (PCdoB) é quem vai assumir o comando do Estado, o que não seria um grande problema, já que, nos últimos anos, os comunistas têm apresentado lealdade aos socialistas em Pernambuco.

Conquista – Nesta sexta (11), o prefeito de Gravatá, Padre Joselito (PSB), assinou um contrato para a conclusão das obras da UPA, localizada no bairro do Cruzeiro. O equipamento servirá para atender pacientes em casos de urgência e emergência no município. O ato contou com a presença do deputado estadual Waldemar Borges (PSB), que não tem medido esforços para levar investimentos a cidade do Agreste.

Avanço – A Prefeitura de Garanhuns abriu, nesta sexta (11), o agendamento para vacinação da população em geral a partir dos 43 anos de idade. Antes, apenas a capital pernambucana tinha anunciado a vacinação para esta faixa etária. O município também adquiriu 15 mil testes que serão utilizados para ampliar e descentralizar as testagens nas áreas rural e urbana.

Herança – A Prefeitura de Bezerros pagou 100% dos salários de dezembro de 2020 e quitou, em seis meses, uma dívida de mais de R$ 5 milhões com a folha salarial dos servidores, inativos e pensionistas. O débito foi deixado pela gestão do ex-prefeito Breno Borba (PSB)

Economia – Mesmo com a crise causada pela pandemia, representantes do Grupo Intelligent Malls – Gestão de Shoppings Centers pretendem investir cerca de R$ 40 milhões na instalação de um shopping em Arcoverde. Eles visitaram a cidade e também se reuniram com o prefeito Wellington Maciel (MDB), no intuito de iniciar as tratativas.